• Facebook
  • Twitter

Comitiva esteve na Embaixada do Brasil em Cuba, visitou entidades, universidades e o Porto de Mariel

A convite do Instituto Cubano de Amizade aos Povos (Icap), o prefeito de Contagem, Carlin Moura, e comitiva, participaram de uma visita diplomática a Cuba, entre 21 e 29 de janeiro. A visita teve o propósito de conhecer programas desenvolvidos no país que possam servir de referência para o desenvolvimento de políticas públicas em Contagem e que sejam de interesse do empresariado local.

A comitiva contagense visitou a Embaixada do Brasil em Cuba, o Porto de Mariel, a Zona Especial de Desenvolvimento de Mariel, universidades e diversas entidades sociais, culturais e desportivas.

A viagem a Cuba cumpre diretrizes da Lei Municipal nº 4.007, de 31 de maio de 2006, que declara as cidades de Contagem e Cienfuegos, em Cuba, como “Cidades Irmãs”. A lei prevê o fortalecimento dos laços de amizade entre os municípios e o país, estimulando acordos bilaterais para a troca de conhecimento sobre as raízes étnicas, programas de saúde, além de informações e difusão cultural, turística, desportiva, política e social.

A primeira reunião da delegação foi na cidade de Havana, com a diretora da América do Sul do Icap, Yarisleidi Pozadas, onde foram destacados os laços amistosos entre Brasil e Cuba e o importante momento vivido pela ilha, em função da expectativa do fim do bloqueio imposto pelos EUA, que consta da Lei Helms-Burton.

Atualmente, Cuba passa por um processo de restabelecimento das relações com os Estados Unidos. Yarisleidi Pozadas informou que o país acompanha com otimismo os resultados das negociações, mas que ainda há temas complexos a serem discutidos entre os dois países, como a retirada de Cuba da lista de estados patrocinadores do terrorismo internacional e o fim da chamada política de “pés secos-pés molhados” que garante cidadania americana a todos os cubanos que colocam os pés de forma clandestina nos EUA, além da Lei de Ajustes, principais estímulos à imigração ilegal e ao tráfico de emigrantes para os Estados Unidos.

“Para o povo e governo cubanos o estabelecimento das relações diplomáticas em nada pode almejar que Cuba renuncie a seus princípios para melhorar as relações com um outro país. O diálogo está transcorrendo de forma respeitosa baseado na igualdade soberana e na reciprocidade, sem menosprezar a independência nacional e a autodeterminação do povo cubano”, afirmou.

Ainda em Havana, o prefeito Carlin Moura e comitiva conheceram os serviços da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). Moura foi recebido pelo gerente para a América Central e Caribe da ApexBrasil, Hipólito Rocha Gaspar, que falou sobre os rumos das exportações brasileiras na região da América Central e Caribe e a internacionalização de empresas brasileiras em Cuba .

Gaspar explicou ainda que com a instalação da Zona Especial de Desenvolvimento, a ZED Mariel, a presença das empresas brasileiras tem crescido a cada dia e com novas expectativas. “Novos mercados podem ser abertos especialmente nos setores de moda, casa e construção; alimentos e bebidas; higiene e cosméticos; máquinas e equipamentos; cutelaria; transporte; tecnologia da informação e também no setor atacadista. A Apex pode auxiliar as empresas com a elaboração e estudos de mercado, gerar novas oportunidades de negócios e identificação de alianças estratégicas, além de dar todo o suporte para a instalação de empresas brasileiras em Cuba”, informou o gerente da ApexBrasil.

Carlin Moura salientou que várias empresas sediadas em Contagem já possuem relações comerciais com Cuba, realizando atividades de exportação que chegam até US$ 1 milhão. “Contagem possui uma economia sólida. Nosso parque industrial é bem diversificado, com mais de 4 mil empresas, com atividades ligadas aos setores de autopeças, transportes, logística, eletro, metalmecânico, alimentício, entre outros, que poderão vir a estabelecer novos acordos comerciais com Cuba”.

Na reunião, foi acertado entre Carlin Moura e Hipólito Gaspar a realização de um seminário em Contagem. A diretoria da ApexBrasil virá ao município apresentar as potencialidades econômicas de Cuba para os empresários mineiros. O seminário contará com a participação da Fiemg, da Ciemg, da Prefeitura de Contagem e do governo estadual.

Embaixada do Brasil em Cuba

Ainda em Havana, a missão diplomática esteve na Embaixada Brasileira em Cuba. Carlin Moura e comitiva foram recebidos pelo embaixador do Brasil em Cuba, Cesário Melantonio Neto, e o embaixador aposentado e presidente do Conselho de Comércio Exterior da Fiesp, Rubens Barbosa. No encontro, foi destacado a importância da visita de representantes de uma cidade do porte de Contagem à ilha e as negociações entre Cuba e EUA, que podem favorecer e fortalecer as relações econômicas do Brasil com os cubanos.

“Ainda é prematuro fazer um diagnóstico preciso do futuro das negociações sobre a retomada das relações diplomáticas entre Cuba e EUA. Isso se dará passo a passo. Mas, acreditamos que a Zona Especial de Desenvolvimento de Mariel será beneficiada e as empresas brasileiras e o Brasil terão papel de destaque nesse processo”, informou Cesário Melantonio.

Por Cristiane Oliveira