Duas centenas de militantes do PCdoB se reuniram nesta segunda-feira (5), em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte, para debater as teses do 13º Congresso do Partido. A plenária institucional teve a participação de comunistas que integram a gestão do prefeito Carlin Moura.

  • Facebook
  • Twitter

Prefeito Carlin Moura debate sobre 13º Congresso

A tese foi apresentada pela presidenta do PCdoB-MG, a deputada federal Jô Moraes. Ao apresentar a tese, ela enfatizou que o PCdoB luta estrategicamente pelo socialismo e que neste momento defende a ampliação da democracia e a expansão dos direitos sociais. Jô citou áreas importantes em que o Brasil avançou nos 10 anos de governo Lula e Dilma e lembrou que ainda há muito a ser feito, como avançar nos serviços públicos e na área da saúde. A deputada afirmou que Contagem é muito valorizada em todo o país e que todos estão torcendo muito pela administração do PCdoB no município.

Carlin Moura salientou que a plenária acontecia em um momento importante para a vida do país e da cidade. “O momento do Congresso do Partido é de grande intensidade, pois as jornadas de junho oxigenaram o debate político”. Carlin argumentou que o 13º Congresso do PCdoB deve ser pautado pela década passada e pelos dois modelos em disputa.

“O projeto conservador dos anos 90 foi mais eficiente em promover as reformas de Estado a partir do interesse das elites e nós não fomos mais eficientes em promover as nossas reformas estruturantes”. Carlin argumentou que as ruas estão em disputa, assim como a sociedade, e disse que o governo de Contagem atravessou o momento de instabilidade política nacional de forma tranquila.
O vice-presidente do PCdoB no estado, Wadson Ribeiro, apresentou em sua intervenção o projeto eleitoral do PCdoB, que tem o objetivo de aumentar sua bancada de deputados. Wadson também lembrou que os comunistas têm o desafio de conquistar mais um ciclo de mudanças no governo federal e conquistar pela primeira vez o governo do estado em uma coligação.

  • Facebook
  • Twitter

Vereador Jair Tropical, deputada federal Jô Moraes, prefeito Carlin Moura, Amarildo de Oliveira, Rodrigo Cupim e Wadson Ribeirio

Durante a atividade, importantes gestores e lideranças de Contagem assinaram a ficha de filiação partidária do PCdoB e passaram a fazer parte das fileiras comunistas na cidade. Entre eles, o procurador geral do município, Amarildo de Oliveira, que era filiado ao PT e foi importante quadro petista. Também vindo do PT, foi filiado o jovem Naldo de Assis, que é o atual administrador da regional Nova Contagem e figurou com um dos candidatos mais votados a vereador na eleição de 2012; Tatiana Nívia, da secretaria da Fazenda, e Emerson Lopes, da regional Petrolândia.

Por Arnóbio Santos
Fotos: Fredericus Augustus